És como uma terra
que nunca ninguém disse
Não esperas nada
a não ser a palavra
que brotará do fundo
como fruto entre os ramos.
Um vento que se aproxima.
Coisas secas e mortas
embaraçam-te e vão no vento.
Membros. Palavras antigas.
Tremes no Verão.

29 de Outubro de 1945

Cesare Pavese, in O Vício Absurdo, & Etc, 1990

Sem comentários:

Publicar um comentário